Reflexão

Como vocês estão gerindo esse momento?

Refletindo sobre conversas virtuais, postagens visualizadas em diferentes espaços virtuais, ações propostas por empresas da região os desafios de uma “forçada” mudança de mindset meus pensamentos me levaram a escrever isso.

Todos os dias somos bombardeados por uma série de conteúdos, em qualquer espaço virtual que frequentamos. Com o adendo do corona vírus isso só cresceu. O que estamos fazendo com isso?

Eu tenho estudado e praticado facilitação de grupos a mais de 10 anos, nesse período participei de muitas horas de treinamento, online e presencial, mas principalmente com aprendizado autodirigido, e a quantidade de conhecimento à disposição é imensa.

Tem artigos, matérias, críticas, opiniões e até pesquisas científicas. Tem texto, imagem, infográfico, check list, vídeos e outros formatos. Tem workshop online, livros digitais, e-books lives, podcast, webinário… tem tudo!

Quais os aprendizados eu gostaria de compartilhar:
  • Existem diferentes perfis de pessoas e alguns com imensa dificuldade de mergulhar e aprender no ambiente virtual – é necessário aprender como eu aprendo;
  • Constantemente preciso me policiar e gerir a ansiedade, pois não vamos conseguir consumir todo o conteúdo disponível;
  • Priorizar tudo o que gere conexão, participação, interação, colaboração, cocriação – o aprendizado na prática é mais efetivo;
  • Escolher mentores virtuais (e eles não precisam saber que eu somos mentorados por eles) – quem compartilha conteúdos relevantes para a minha vida e que vai agregar para o meu crescimento pessoal e profissional.
Repito: como vocês estão gerindo esse momento?

Por Alexandre Fiorin, sócio-proprietário da VIVENDO



2 Comentários

  • Roberto Silveira Jr.

    Boa Noite Fiorin,

    Sou Roberto, coordenador de PCP da Killing e um entusiasta pelo trabalho de vocês na Vivendo. Me identifico com a vivência e com o contato com a natureza.

    Desde nosso primeiro contato, já vão alguns anos, passando pelos programas mais recentes que fizemos, procuro me manter informado sobre o que vocês estão fazendo na fazenda e por aí a fora. Qualifico a Metodologia de vocês como Objetiva e Eficaz !

    Agora por estes dias tão inusitados, me peguei pensando que estamos “vivendo na real” em proporções evidentemente alarmantes, o que experienciamos com vocês em treinamento. Incerteza, desconhecimento do terreno, novas ferramentas, mais incerteza… Ninguém sabe direito usar a bússola, pois até um mês o GPS resolvia fácil a parada.

    Eu que trabalho com planejamento, anos de estudo, anos de experiência, treinando pessoas e sendo treinado, sem poder saber minimamente o cenário da próxima semana…e o barco tem que andar…não está fácil mas ao mesmo tempo é muito instigante.

    O momento é sim de muita reflexão, estudo, se temos tempo livre mais estudo, e principalmente algo que trabalhamos muito com vocês: calma, análise, cabeça fria, firmeza na decisão mesmo na incerteza. Só assim atravessaremos esse período que nem sabemos de quanto tempo será, saindo somente com alguns arranhões nas pernas (ileso ninguém sairá)…e as vezes tem as abelhas no mato atrás da gente pra piorar…

    Por favor continue escrevendo…nos ajudem a refletir mais…aproveitar essa fase maluca…e não parem de escrever a história dos 10 anos da Vivendo, estou me inspirando muito com ela. Tem muito de Planejamento (e ação) nessa história.

    Um Grande Abraço a Ti e Toda Equipe !

    Roberto – São Leopoldo RS
    roberto.silveira@killing.com.br
    robertosilveira99@gmail.com

    • admin

      Boa tarde Roberto

      Primeiramente gostaria de agradecer o seu depoimento. Muito inspirador!

      Como você comentou, estamos vivendo o nosso 10º ano. Foram muitas conexões, várias experiências e principalmente grandes aprendizados, porém, acredito que nenhum terá tanta relevância quanto os que estamos tendo a oportunidade de gerar nesse momento. Provavelmente a maior experiência da vida para quem vive os dias atuais.

      Adorei a sua frase: ”Qualifico a Metodologia de vocês como Objetiva e Eficaz!”, acho que nunca havia escrito dessa foram antes, e concordo, pois é isso que está no nosso propósito, no nosso DNA. Mais feliz ainda por saber que conseguimos deixar essa percepção gravada com você.

      Todas as analogias que fez foram muito assertivas e sim, hoje, fazem ainda mais sentido.

      Queria dizer que me inspirou a escrever mais. E vou fazer… Já pensei até no tema: LIDERANÇA NO LIMITE – Com base na história de Ernest Shackleton e suas estratégias para Liderar no Limite.

      Grato por você acompanhar nossa história. Tenho certeza que ainda temos muito para construir, e pode ser juntos.

      Grande abraço.

Deixe uma resposta